E chegamos a um novo ano.

2018 foi fantástico. Foi o inicio do Et(h)erlive71, primeiro como blog e depois como site. Foram meses, confesso, algo trémulos, com uma enorme adrenalina inicial, mas que depois foi talhado por altos e baixos. Mas os inicios são aprendizagens. E é de aprendizagens que este projecto é feito. Vamos dar inicio a outra etapa, a de arrumar a casa e preparar o futuro, que é já a seguir.

Durante estes meses, o Et(h)erlive71 teve vários colaboradores a escrever textos unicos, opiniões, tivemos entrevistas incríveis, dois podcasts que estão a ter cada vez mais adeptos e uma revista. Não é facil conseguir ir organizando um projecto tão ambicioso, mas sem ambição não conseguimos atingir os patamares da montanha que escalamos.

Assim, desde já anuncio que infelizmente um dos nosso queridos colaboradores, o Rui Azeredo, deixa-nos por razões maiores que o impedem de conseguir manter uma ligação regular aos leitores do et(h)er. Agradeço com enorme Amizade toda a sua colaboração, deixando este Universo sempre disponivel para o Amigo Rui. Aproveito ainda para agradecer as colaborações fantásticas também do Rui Sousa, do Pedro Marques, do Luis Sousa e da Julia Duarte.

Entretanto estou a preparar mais umas novidades no campo dos colaboradores. Cada um irá passar a ter uma crónica fixa, com um nome e um timming próprio, para que vocês passem a poder segui-los mais de perto. Infelizmente e cada um por razões próprias, o Et(h)er vai ter de deixar cair certas colaborações, com vista a garantir regularidade nos textos e na qualidade.

Deixo a sugestão de estarem atentos às novidades, de pesquisarem o que foi feito durante este ano e de apresentarem sugestões do que gostavam de ver aqui no et(h)er. Escrevam-me para poder analisar a trocar ideias capazes de melhorar o et(h)erlive71.

Agradecendo desde já a vossa confiança, paciência e carinho,

Desejo-vos um óptimo 2019, Super e Fabulosamente Vivido e Sentido, senão não tem piada.